Prairie Houses

Prairie Vinheta

Prairie Houses

Diferentemente do que o nome pode sugerir, não se trata de casas rurais (Prairie Houses que dizer “casas da pradaria”) mas de casas urbanas nos subúrbios de diversas cidades nos estados de Wisconsin [Spring Green] e Illinois [Chicago]. O nome reflete a característica de sua implantação horizontal em grande área plana. Nos dez primeiros anos do século XX, Frank Lloyd Wright construiu mais de cem Prairie Houses. Eram casas  para famílias abastadas, situadas em áreas verdes, funcionais, com uma articulação volumétrica e uma sintaxe espacial muito próprias. Geralmente com partido em cruz ou duplo “T”, envolvendo a lareira – centro de força e ponto de cruzamento dos eixos imaginários. As áreas se sucedem de acordo com sua conveniência recíproca. Apresentavam lajes com grandes balanços e telhados pouco inclinados, e longos renques de janelas em seqüência.

Coonley House - Cópia

Avery Coonley House. Riverside. Chicago. 1907-8

As paredes divisórias eram reduzidas a um mínimo indispensável, para criar a fluidez espacial desejada. As portas e janelas tradicionais – vazios recortados nas paredes – são requalificados, para participar do discurso integral das formas. Estes pontos vão ser adotados pelo Neoplasticismo. A dominância horizontal e o uso de poucos materiais, geralmente tijolos cerâmicos ou pedra, criavam a devida ligação com o ambiente externo. A decoração interior evitava apliques, e explorava as linhas construtivas. O mobiliário era incorporado aos elementos construtivos.

Casa Robie. Interior

A obra multivalente de Wright tem como ponto de partida uma multiplicidade de influências que vão desde o classicismo e o gosto pelos padrões decorativos de Sullivan – a quem chamava seu Leiber Meister (mais amado mestre) – à arquitetura vernacular inglesa, ligada ao movimento Arts & Crafts europeu, de que tomou conhecimento através da obra de Henry Hobson Richardson, um dos decanos da Escola de Chicago, grande inspirador de Sullivan. É também marcante a ligação com a arquitetura tradicional japonesa, cujos traços estão em toda sua obra e cujo primeiro contato se deu provavelmente na Exposição Mundial Colombiana de Chicago, em 1893, com a reconstrução do Templo Ho-o-Den como pavilhão japonês. Não se pode desprezar ainda o fascínio pelos blocos Fröebel, um brinquedo dos tempos de criança, que vão inspirar a articulação volumétrica de muitos de seus edifícios, sobretudo as Prairie Houses.

Ho-o Den0001

Templo Ho-o-Dem, o Pavilhão Japonês na Exposição Mundial Colombiana de Chicago, em  1893. Onde provamelmente Wright tavou conhecimento com a arquitetura japonesa.

Não foi somente Frank Lloyd Wright quem projetou Prairie Houses, mas também outros arquitetos americanos, como William Drummond, Walter Burley Griffin, Geolge Maher, Purcell and Elmslie, mas com Wright estas tornaram-se um sistema consequente e relacionado à evolução de sua obra, da arquitetura americana e mesmo da arquitetura ocidental, dadas as ligações com os arquitetos holandeses.

As Prairie Houses desenvolveram-se em sintonia com os ideais do movimento Arts and Crafts, iniciado no final do século XIX na Inglaterra por William Morris, entre outros. Constituiu-se de certa maneira o braço americano deste movimento, trazido da Europa por Henry Hobson Richardson e Louis Sullivan, Buscava-se então uma alternativa à estética clássica, então dominante na arquitetura. O movimento Arts And Crafts  inspirou-se na arquitetura vernacular inglesa. O marco inicial deste movimento em arquiteturo foi a casa de William Morris projetadada por Philip Webb .

Red House. Residência de William Morris. ArquitetoPhilip Webb. Kent, Inglaterra. 1859.

Apesar da ligação com a arquitetura vernacular, teve também, com Frank Lloyd Wright uma inspiração abstrata, ligada ao apreço que este tinha pelas composições feitas com blocos Fröbel. [1] A Prairie Houses constituiram-se ainda uma tentativa de desenvolver um estilo norte-americano de arquitetura nativa, que não compartilhasse elementos de design e vocabulário estético com estilos anteriores de arquitetura clássica européia.

froebel_blocks

Composição com blocos Fröebel.

Frank Lloyd Wright era um crítico das casas de sua época, cuja compartimentação era fechada e confinada. Desenvolveu então um modo de projetar casas articuladas horizontalmente e com espaços interiores abertos e  fluidos. Os quartos eram muitas vezes dividido por painéis de vitrais, especialmente concebidos. Os interiores, salvo em áreas em que era absolutamente necessário, consistiam-se em espaços entrelaçados, separados não por portas, mas por angulos de visão cuidadosamente elaborados. Os espaços interiores se desdobravam, em vistas dramáticas e sempres surpreendentes.

Vitral da Martim House, Buffalo, NY, 1904

Funcionalmente, em substituição à rígida simetria clássica, compunha seus conjuntos atendo-se à conveniência reciproca das peças, como também faziam os arquitetos ingleses do Arts and Crafts. Tratava-se de um sistema indutivo de projetação, do particular para o geral, o que resultava em uma forma aberta e asimétrica. Wright chamou este modo de projetar de orgânico.

Muito se fala também na relação das Prairie Houses wrightianas com os quatro elementos, ar, terra, água e fogo.  De fato, era um principio de sua composição a lareira central, quase sempre de pedra, larga e firmemente plantada no centro da composição. Desta lareira, todos os elementos se irradiavam, como se tal fosse a fonte de vida da casa. Depois desse núcleo, havia espaços abertos ao ar, e outros fechados.

Algumas das Principais Prairie Houses

de Frank Lloyd Wright

Winslow House

River Forest, IL, 1893. Frank Lloyd Wright.

Embora ainda clássica na composição, refletindo uma disciplina compacta, esta casa contém alguns traços distintivos do futuro estilo Prairie, como a marcada horizontalidade, a banda de janelas no pavimento superior, e o telhado pouco inclinado.

Thomas House

Frank Thomas House, Oak Park, Il, 1901. Frank Lloyd Wright. Segundo o arquiteto, esta foi a primeira Prairie House.

Willits House

Ward Willitts House, Highland Park, IL, 1900-02. Arquiteto Frank Lloyd Wright.

Ward_Willits_Lower

Willitts House. Plantas.

A Willits House é uma das mais conhecidas e celebradas Prairie Houses. Nela aparece claramente  amadurecida toda a poética Prairie: planta orgânica, telhados pouco inclinados, faixas de janelas agrupadas, horzontalidade marcante.

Heurtley House

A. Heurtley House, Oak Park, IL, 1902 . Frank Lloyd Wright.

Um dos primeiros exemplos do estilo Prairie já plenamente desenvolvido.

Martin House

drmartin1

Martin 001

D._D._Martin_Plan

Darwin Martin House, Buffalo, NY, 1904

ROBIE HOUSE

Frank_Lloyd_Wright_-_Robie_House_2

robie08

Robie_Plan_1

F. Robie House, Chicago, 1906-09.

Uma das obras mais famosas, não somente de Frank lloyd Wright, como também da arquitetura americana do Século XX, que mostra com clareza todos os elementos do estilo prairie levados à perfeição: grandes balanços, telhados com pouca inclinação, volumes entrelaçados, extensas linhas horizontais.

Isabel Roberts House

ARCHITECTURAL_PLAN_OF_ISOBEL_ROBERTS_HOUSE - Cópia

Isabel Roberts House, River Forest, IL, 1908.

Projetada para sua secretária e auxiliar, que mais tarde viria a ser a primeira mulher a receber grau de Mestre em Arquitetura nos Estados Unidos, esta casa é um dos melhores exemplos da planta prairie cruciforme, com o estilo já amadurecido, e todos os elementos característicos presentes.

Taliesin East

Ficheiro:Taliesin600.jpg

taliesin

Taliesin East. Spring Green. Wisconsin. 1911.

Residência de verão de Wright em Spring Green, Wisconsin, começou a ser construida em 1911.após deixar sua primeira esposa, Catherine Tobin, e sua casa e estúdio em Oak Park.  A principal motivação por trás da partida de Wright era seu caso com Mamah Borthwick Cheney, ex-esposa de um de seus clientes, Edwin Cheney. Sua residência de inverno, Taliesin West ficava em Scottdale, Arizona.

NOTAS

[1] Friedrich Fröbel (1782-1852) foi um pedagogo alemão, fundador do primeiro Jardim de Infância, e criador dos blocos Fröbel, um brinquedo muito popular no final do século XIX, que encantava F. Ll. Wright.

Aviso

Vinheta Casasabrasileiras

Uma resposta para “Prairie Houses

  1. Estou fazendo um trabalho e me ajudou muito essa matéria! Lindas obras de Frank.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s